03/06/2020 às 12h26min - Atualizada em 03/06/2020 às 12h26min

Dez vagões descarrilam e carga pega fogo durante madrugada

De acordo com registro, o acidente não deixou nenhum funcionário ferido

Campo Grande News
Vagões descarrilados sendo carregados por tratores (Foto: Chapadensenews)
Dez vagões de trem descarrilaram durante madrugada de hoje (3), no km (quilômetro) 240 da linha férrea Ferronorte, no município de Chapadão do Sul, distante 335 km de Campo Grande. Ainda não há informação sobre o que pode ter causado o acidente, que não deixou feridos.

A responsável pela linha é a empresa de transporte ferroviário Rumo, a linha em questão liga Alto Araguaia (MT) até Inocência (MS), passando pelo município. Outro acidente, da mesma companhia, mas em outra linha férrea, a da antiga Rede Ferroviária Federal, aconteceu há três semanas, em Aparecida do Taboado.

De acordo com registro do Corpo de Bombeiros, que atenderam a ocorrência por volta de 3h18 da madrugada, houve desencontro de informações repassadas à guarnição. Pessoas que passavam na rodovia MS-306, próximo aos trilhos, disseram ter avistado fogo a 70 metros da estrada.

Depois de percorrer 50 km, os bombeiros não avistaram nada, mas ao retornar pela rodovia avistaram um carro que entrava por uma estrada de chão. Ao seguir o veículo, acharam o trem descarrilado.

Foram constatados dez vagões conectados que estavam tombados e um deles, que transportava algodão, estava em chamas. A locomotiva também carregava cerca de 10 mil litros de óleo diesel, mas que por sorte, não foram atingidos pelo fogo. 

​Ainda de acordo com informações do Corpo de Bombeiros, os funcionários receberam orientação para levantar os vagões, fazendo uso de guindastes e retroescavadeiras. As recomendações eram para evitar outros possíveis acidentes e incêndios.

De acordo com o jornal Jovemsulnews, outros três acidentes aconteceram no mesmo trecho, em Chapadão do Sul, nos últimos 30 dias. Em todos, não houve registro de vítimas.

Indagada sobre os acidentes,  a assessoria de comunicação da Rumo não enviou resposta até o momento de publicação desta reportagem. 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »